segunda-feira, 9 de julho de 2012

ALERTA: Milhares podem ficar sem internet nesta 2ª


Milhares de usuários de computadores ao redor do mundo, infectados com um vírus desde o ano passado, podem perder sua conexão com a internet nesta segunda-feira, com a expiração de uma rede de segurança elaborada pelas autoridades americanas, segundo especialistas.

O problema é produzido pelo vírus conhecido como DNS Changer, criado por hackers para redirecionar o tráfego da internet ao obter IPs pelo sistema de nomes de domínio de navegadores da web (DNS).

Como o vírus controla as redes, autoridades conseguiram uma ordem judicial para que o FBI pudesse operar substituindo os servidores, de modo que normalizasse o tráfego, mesmo nos computadores infectados.

No entanto, essa ordem expira na segunda-feira, quando especialistas afirmam que os computadores infectados devem enfrentar um "dia do juízo final da internet".

Os sites do FBI, Facebook, Google, provedores da internet e empresas de segurança estão alertando seus usuários sobre o problema, além de orientarem sobre formas de corrigir a falha.

Usuários podem verificar se seus computadores estão corrompidos através de um teste na página do grupo que investiga o vírus ou de diversos outros operados por firmas de segurança.

"Se os usuários de computadores tiverem configurações alteradas no DNS de seus servidores, não poderão acessar sites, enviar e-mails ou usar serviços on-line", informou a McAfee em comunicado divulgado na quinta-feira.

A empresa de segurança Internet Identity reportou na semana passada que pelo menos 58 das 500 maiores companhias americanas e duas grandes instituições governamentais tinham máquinas corrompidas pelo DNS Changer.

Um número pouco expressivo quando comparado ao do mês de janeiro, quando metade dessas empresas e agências estava infectada.

Segundo a IID, o vírus também pode comprometer atualizações do software dos antivírus.
"Ele permite que os criminosos possam acessar qualquer informação, mensagem trocada, entre outros dados do computador da vítima", acrescentou.

Seis estonianos e um russo foram acusados em novembro de 2011 por transmitir o vírus para várias redes, incluindo da NASA, como parte de um golpe de publicidade online que reuniu pelo menos US$ 14 milhões.

A fraude, realizada entre 2007 e outubro de 2011, redirecionava pessoas que faziam buscas para diversos sites, como o iTunes, Netflix e até mesmo o da Receita Federal americana.

O maior número de computadores afetados está nos Estados Unidos (69 mil), mas ao menos 4 milhões de máquinas em mais de cem países podem ter sido infectadas. FONTE: FOLHA ONLINE

Moradores de rua encontram cerca de R$ 20 mil e entregam à PM em SP


Um casal de moradores de rua encontrou por volta das 3h30 desta segunda-feira um saco com aproximadamente R$ 20 mil em dinheiro, no Tatuapé, zona leste de São Paulo, e entregou à polícia.

O casal, que mora há aproximadamente quatro meses embaixo do viaduto Azevedo, ouviu o barulho do alarme de uma loja próxima e foi verificar o que acontecia. No caminho, eles encontraram um saco com o dinheiro --notas e moedas-- abandonado próximo a um ponto de ônibus na Radial Leste.

O morador de rua Rejaniel de Jesus Silva Santos, 36, que ganha por dia cerca de R$ 15 como catador de produtos recicláveis, disse que "a primeira coisa que veio à sua cabeça quando viu todo aquele dinheiro foi avisar a polícia".

Santos e a mulher abordaram um segurança em uma moto e pediram para ele ligar para o 190. Quando os policiais chegaram ao local o casal entregou o dinheiro. Segundo Santos, os policiais militares não acreditavam que ele estava devolvendo o dinheiro e deram parabéns pela honestidade.

Santos, que perdeu o contato com a família depois que foi morar nas ruas, torce para que a mãe que vive no Maranhão veja alguma das entrevistas que deu nesta madrugada para emissoras de TV.

"A minha mãe me ensinou que não devo roubar e se vir alguém roubando devo avisar a polícia. Se ela me assistir pela TV lá no Maranhão vai ver que o filho dela ainda é uma das pessoas honestas deste mundo", falou Santos.

Segundo a PM, no saco havia cupons fiscais que identificavam que o dinheiro pertence a um restaurante oriental na rua Coelho Lisboa, que havia sido furtado.
O caso foi registrado no 30º Distrito Policial do Tatuapé. A polícia tenta localizar o dono do restaurante para devolver o dinheiro. 

HISTÓRIASantos veio do Maranhão há cerca de 16 anos para trabalhar com o irmão na construção civil. Em São Paulo, ele se casou e teve um filho, com quem não tem mais contato. 

Após a separação, Santos perdeu o emprego e a casa e foi morar nas ruas. A atual mulher, Sandra Regina Domingues, ele conheceu nas ruas e mora com ela há cerca de quatro meses, embaixo do viaduto Azevedo. FONTE: FOLHA ONLINE