domingo, 4 de setembro de 2011

Todos os 21 ocupantes do voo no Chile morreram, diz ministro

As buscas ao avião militar chileno que caiu no mar na sexta-feira (2) no arquipélago Juan Fernández, no Pacífico, indicam que os 21 passageiros a bordo da aeronave morreram de forma imediata, confirmou neste sábado (3) o ministro da Defesa, Andrés Allamand.

“Após as buscas que participamos com o comandante-em-chefe da Força Aérea [Jorge Rojas], concluímos que o impacto foi de tal magnitude que deve ter causado a morte instantânea de todas as pessoas a bordo do avião”, disse Allamand, que esteve durante todo o dia na área do acidente.

Allamand, que lidera os trabalhos de resgate, explicou que a conclusão é resultado das "evidências" observadas durante a operação de resgate realizada pela Força Aérea e pela Marinha do Chile, envolvendo seis aviões e duas fragatas.
Até o momento, só foi possível resgatar quatro corpos, levados a Santiago, onde foram identificados como Erwin Núñez, cabo da Força Aérea, Galia Díaz, funcionária do Conselho Nacional de Cultura, Roberto Bruce, jornalista do canal TVN, e Silvia Slager, produtora da TVN.

Na aeronave, um modelo de transporte CASA C-212, viajavam o apresentador Felipe Camiroaga, um dos mais populares da televisão chilena, e o empresário Felipe Cubillos, que apoiava a organização Desafío Levantemos Chile, criada para impulsionar os trabalhos de reconstrução da região após o terremoto de fevereiro de 2010.

A expedição de resgate partiu rumo ao arquipélago de Juan Fernández às 4h deste sábado (3) para desenvolver um intenso trabalho de busca depois que o presidente chileno, Sebastián Piñera, anunciou que seriam realizadas "todas as gestões para esclarecer as circunstâncias". A operação também está reforçada por habitantes do arquipélago e alguns navios que se encontravam na região.

O ministro Allamand, que é cunhado de Felipe Cubillos, explicou que a Força Aérea perdeu contato por rádio com a aeronave às 17h48 de sexta-feira (2) e reconheceu que "o cenário é adverso".

Participam dos trabalhos de busca um avião Hércules C-130 da FACh, as fragatas Lynch – que transporta um helicóptero – e Condell, e outra aeronave CASA-295, dotada de dispositivos de prospecção.

Felipe Paredes, vereador de Juan Fernández e última pessoa que viu a aeronave, relatou à imprensa local que a aeronave efetuou duas manobras de aproximação à pista de aterrissagem, de pouco mais de 1 quilômetro de comprimento, e posteriormente desapareceu atrás de uma colina. Paredes acrescentou que, embora houvesse vento, dois aviões privados não tinham encontrado dificuldades para aterrissar pouco antes.

Já o governador marítimo de Valparaíso, Otto Mrugalski, confirmou que uma porta do avião foi encontrada intacta cerca de dois quilômetros ao leste da pista de aterrissagem da ilha Robinson Crusoé, em uma zona onde a profundidade do Oceano Pacífico alcança 54 metros.

Ao chegar às instalações da Força Aérea, onde está sendo coordenada a operação de resgate, o presidente Sebastián Piñera declarou na noite de sexta-feira (2) que o acidente representa "um duro golpe para o país". FONTE: G1, com informações de agências internacionais

Foto racista de menino 'morto' cria polêmica na África do Sul

"Meu menino está vivo e bem. Ele nunca esteve em perigo. Nada de ruim aconteceu com ele", garantiu o pai ao jornal, quem pediu anonimato argumentando que o episódio não passou de uma brincadeira.

A foto, feita em 2008, foi divulgada pela revista sul-africana "Sunday Times" em 28 de agosto na capa com o título "Procura-se o racista do Facebook".

A imagem aparecia no perfil de um usuário que usava o pseudônimo de Eugene Terrorblanche, um nome que alude ao falecido líder do partido ultradireitista sul-africano branco Movimento da Resistência Afrikaner (AWB), Eugene Terreblanche.

A publicação da foto causou polêmica na África do Sul, um país que durante quase meio século foi governado pelo regime segregacionista do Apartheid, que defendia a supremacia da raça branca, e que segue vivendo uma notável tensão racial.

Conforme o "Sunday Times", a unidade de elite para a luta contra o crime da polícia sul-africana (Hawks) está investigando a polêmica imagem.

Desde que a notícia foi divulgada, "Terrorblanche" desapareceu do ciberespaço. O pai da criança o descreve a pessoa da foto como "amável".

O pai, que trabalhou durante os últimos 14 anos como capataz em uma propriedade rural da família do homem da foto, em Bloemhof (norte da África do Sul), relatou ao jornal "City Press" o que ocorreu no dia em que a imagem foi feita.

Segundo sua versão dos fatos, seu filho, aparentemente cansado, estava dormindo sobre a grama do sítio e o homem branco, que trazia uma escopeta para caçar pombas, pediu para fazer uma fotografia e sugeriu ao pai que colocasse a criança na sombra.

"Eu permiti que posasse com o menino e a espingarda (...). Ele gosta do meu filho. Quando ele se sai bem na escola, dá dinheiro a ele", conta o pai, quem insiste que esse homem 'não odeia os negros'.

Louis Vertue, advogado do homem que aparece na foto, afirmou que seu cliente está preocupado e "comovido" com a repercussão da notícia e que não entende como a foto acabou nas mãos da imprensa.

"Se as pessoas que não sabem da verdadeira história o reconhecem (na rua), ele poderia estar correndo riscos. Ele não é um racista, como se informou", garantiu Vertue. FONTE: EFE

Amazonense ganha prêmio de melhor diretor em Miami

O amazonense Sérgio José Andrade foi o vencedor do prêmio de melhor diretor de curtas-metragens pelo filme "Cachoeira" no Brazilian Film Festival. O longa realizado em 2010 no município de Presidente Figueiredo já participou da 14° Mostra de Cinema de Tiradentes e o francês Festival Internacional de Curtas de Clermont Ferrand, além de ter sido lançado oficialmente no Festival de Brasília em 2010.
O filme “VIPs”, de Toniko Mello, foi o vencedor de Melhor Filme no Brazilian Film Festival, em Miami. Pelo trabalho no longa, o protagonista Wagner Moura levou o prêmio de Melhor Ator.
O longa “180º” levou dois troféus: Melhor Direção, para Eduardo Vaisman, e Melhor Roteiro, para Claudia Mattos. Olivia Torres foi considerada a Melhor Atriz pelo papel em “Desenrola”, de Rosane Svartman.
Na categoria curta-metragem, “A Verdadeira História da Bailarina de Vermelho”, de Alessandra Colasanti e Samir Abujamra, foi considerado o Melhor Filme. FONTE: PORTAL D24AM

Gene Simmons, do Kiss, vai casar após 28 anos de namoro


Os roqueiros também amam. Gene Simmons, vocalista e baixista da banda Kiss, é a maior prova disso. Ele vai se casar em 1º de outubro, em Los Angeles, com a ex-modelo Shannon Tweed, sua namorada há 28 anos.
O casamento dará um ar mais formal a um relacionamento que de tradicional não tem nada - como bem mostrou o reality show ‘Gene Simmons: Family Jewels’, exibido desde 2006 pelo canal a cabo A&E.
Simmons, nascido em Israel, e Tweed, de origem canadense, têm dois filhos já adultos, Nick e Sophie. O rapaz fez os desenhos que aparecem no convite de casamento, e a moça escreveu o texto, que diz: “Não haverá mais um Time Tweed e um Time Simmons, e sim um time Tweed-Simmons”.
Gene Simmons tem 62 anos. Shannon Tweed posou para a Playboy na década de 1980 e estrelou alguns filmes de terror e aventura de baixo orçamento. FONTE: PORTAL D24AM