quarta-feira, 25 de maio de 2011

Ex da amante de Schwarzenegger se sente traído por seu 'herói'

O ex-marido da amante de Arnold Schwarzenegger e mãe do filho ilegítimo do ator disse que se sentiu traído por seu "herói" após saber do romance e que não é o verdadeiro pai da criança. Em entrevista concedida ao programa "Entertainment Tonight", do canal "CBS", que tem a segunda parte transmitida nesta quarta-feira (25), Rogelio Baena declarou que, até o escândalo da semana passada, achava que era o pai biológico do menino, que hoje está com 13 anos. "[Estou] muito, muito zangado", afirmou Baena, que esteve casado com Mildred Patricia Baena por dez anos e se divorciou há três semanas. Ele disse que, apesar dos acontecimentos, espera poder dizer ao menino que ainda é seu pai. O homem confessou que era fã de Schwarzenegger, a quem considerava seu "herói" até saber do caso que teve com sua mulher. "Me sinto traído", explicou. No último dia 17, o ex-governador reconheceu que teve um filho com uma empregada doméstica que trabalhou para sua família durante 20 anos, e deixou o emprego em janeiro. Segundo o jornal "Los Angeles Times", a esposa de Schwarzenegger se separou após tomar conhecimento do episódio. O ator manteve segredo até janeiro, quando terminou seu mandato de governador da Califórnia, mas chegou a dar ajuda financeira para a criação de seu filho com Mildred. FONTE: EFE

Oprah se despede de seu programa de entrevistas após 25 anos

Rainha do "talk show", a apresentadora americana Oprah Winfrey se despediu de seu programa de TV pioneiro esta quarta-feira (25), após 25 anos de confissões íntimas de famosos, declando que seus fãs são o amor de sua vida. Em um programa gravado na véspera em seu estúdio, Harpo, em Chicago, Winfrey subiu ao palco e, no que se tornou um mantra durante um quarto de século, instou o público a "perseguir seus sonhos". "Cada um de vocês tem sua própria plataforma", disse Winfrey durante o programa do canal aberto ABC, acompanhado em milhões de lares dos Estados Unidos. "A sua está onde quer que você esteja. Isto é a tua plataforma, teu círculo de influências, teu talk show", acrescentou. Winfrey disse que se tinha algum arrependimento era não ter conseguido chamar mais atenção para o abuso sexual de crianças. "As pessoas me perguntam se tenho arrependimentos", declarou. "Não tenho nenhum sobre o programa, mas sinto que não fui capaz de chamar a atenção, apesar de ter tentado mostrar, em 217 (edições), o abuso sexual e a violação de crianças, que é pior agora com a internet do que quando falei pela primeira vez disso, em novembro de 1986", afirmou. Rompendo muitos tabus, Winfrey contou abertamente que ela própria havia sido vítima de abusos quando criança, após nascer em um ambiente de pobreza, no Mississippi. No palco havia uma cadeira, mas a veterana da TV diária, entregue aos americanos para discutir abertamente suas mais profundas esperanças e temores, ficou de pé, no centro, durante a maior parte do programa, com uma hora de duração. Mostrando uma colagem de segmentos significativos de programas anteriores, Winfrey riu algumas vezes de sua roupa e dos assessórios, fora de moda. Mas a maior parte de seu discurso se concentrou no que ela chamou de sua "viagem". "Escutei e cresci", disse. "Sempre quis ser professora e esta é a maior sala de aula do mundo", emendou. Estrelato improvável - Winfrey, de 57 anos, faz parte de um seleto grupo de celebridades consideradas divindades do entretenimento nos Estados Unidos. Uma mulher com excesso de peso, negra e emotiva, ao invés dos habituais apresentadores de TV, homens, brancos e dinâmicos, Winfrey parecia uma candidata pouco provável ao estrelato nos Estados Unidos. Mas a incomum mistura de autoajuda e confissões de celebridades a tornou muito popular na classe média americana, e ela se tornou uma das celebridades mais bem sucedidas do entretenimento norte-americano e mundial. Quando o programa chegou ao fim, Winfrey se emocionou e deixou escapar algumas lágrimas, enquanto assistia de novo ao que chamou de seu "caminho de vida". FONTE: AFP

Banda real erra e Obama faz brinde sozinho à rainha Elizabeth 2ª

O presidente americano Barack Obama quebrou o protocolo sem querer durante um brinde à rainha Elizabeth 2ª em um jantar em Londres na noite de terça-feira.
Por engano, a banda começou a tocar o hino no meio do brinde proposto por Obama.
Em vez de interromper o seu discurso, o presidente americano continuou falando durante o hino e acabou sendo o único a levantar o seu copo.
Ao final do hino, a rainha e os demais convidados retomaram o brinde. A rainha aparentemente não se irritou com o gesto do presidente, e agradeceu as suas "palavras gentis".
FONTE: BOL NOTÍCIAS

iPad 2 chega ao Brasil na sexta-feira a partir de R$ 1.650

A nova versão do tablet da Apple chegará ao Brasil a partir da meia-noite de sexta-feira (27). O iPad 2 será lançado na virada de 26 para 27 de maio no Shopping Iguatemi de São Paulo e em lojas on-line como a Apple Online Store.
O modelo mais simples do iPad 2 (wi-fi e 16 GB) chegará por R$ 1.650. O mais completo (wi-fi mais 3G e 64 GB) será vendido por R$ 2,6 mil.
Na sexta-feira (27), a partir do horário de abertura das lojas, todas as revendas da Apple em São Paulo e em outras cidades também começarão a comercializar o iPad 2, como Campinas, Rio de Janeiro, Curitiba, Porto Alegre, Caxias do Sul, Florianópolis, Brasília, Belo Horizonte, Vitória, Goiânia, Alphaville e Recife.
As versões do iPad 2 com wi-fi chegarão com os seguintes preços: R$ 1.650 (16 GB), R$ 1,9 mil (32 GB) e R$ 2,2 mil (64 GB). Já o aparelho com wi-fi e 3G será vendido por: R$ 2.050 (16GB), R$ 2,3 mil (32 GB) e R$ 2,6 mil (64 GB). Todos os modelos estão disponíveis em preto e branco.
No final de março, a Anatel já havia autorizado a venda do iPad 2, nas versões wi-fi e wi-fi mais 3G, no Brasil. O primeiro modelo do iPad começou a ser vendido no país apenas em dezembro de 2010, oito meses após o lançamento nos Estados Unidos.
O presidente da Apple, Steve Jobs, reapareceu publicamente no início de março para apresentar a nova versão do iPad. Batizado de iPad 2, o aparelho vem equipado com um novo processador, chamado de A5, com dois núcleos, além de câmeras traseira e frontal, para realização de videoconferência.
"O iPad 2 é mais fino do que o iPhone", afirmou Jobs. O aparelho tem 8,8 milímetros de espessura e pesa 580 gramas. O segundo tablet da Apple chegou às lojas dos EUA em 11 de março. FONTE: G1