quinta-feira, 5 de julho de 2012

Corpos Cobiçados

Uma pesquisa realizada pelo Instituto Data Popular está dando o que falar. A análise apontou que o corpo de Geisy Arruda é o mais cobiçado pelas mulheres brasileiras.

O que causou certa indignação. Afinal, beldades como Juliana Paes e Gisele Bündchen são consideradas ícones quando o assunto é beleza.

A pesquisa mostrou que 52% das 15 mil mulheres entrevistadas gostariam de ter o corpo da ex-universitária, enquanto 32% admiravam o corpo de Juliana Paes e apenas 8% teriam a vontade de ter menos curvas assim como Gisele Bündchen.

Na pesquisa, uma foto de cada famosa era apresentada: as três tinham seus rostos cortados da imagem e estavam de lingerie. A ideia era avaliar o gosto por cada tipo de corpo.

Ao Famosidades, Renato Meirelles, sócio-diretor do instituto, contou que a pesquisa foi feita durante o primeiro trimestre de 2012 com 15 mil mulheres pelo Brasil inteiro – em cerca de 47 municípios.

“As mulheres da classe C não seguem os mesmos padrões das da elite. A classe A prefere a número 1 [Gisele] e a classe mais pobre prefere a Geisy”, explicou.

Porém, Meirelles ressalta: a foto usada para falar de Juliana Paes a mostra antes de encarnar a protagonista na novela “Gabriela”.

“Se fosse a foto da Juliana como está na novela, possivelmente ela ganharia”, analisou.

Ele ainda explicou o motivo da escolha por Geisy Arruda, Juliana Paes e Gisele Bündchen: “Queríamos três modelos de corpo que dialogassem com as diferenças. Foi bacana entender essa diferença. A ideia de cortar a cabeça é que o objetivo não era avaliar a artista e sim o tipo de seu corpo. Vimos que as brasileiras preferem mais curvas do que um tipo magrelo”.

Para Renato Meirelles, os números falam por si só.

“Não estamos dizendo que a Geisy é mais bonita que a Gisele. E sim que as brasileiras preferem o corpo com mais curvas do que um reto. Percebe-se até no Carnaval que as Rainhas de Bateria são mais encorpadas. A moda de passarela não é a do dia a dia, da mulher que pega ônibus diariamente, por exemplo”, afirmou.

Se o instituto queria causar um alvoroço em cima do tema conseguiu! E pode ser que crie mais. Isso porque em 15 dias eles prometem divulgar o resultado dessa mesma pesquisa – só que na versão masculina. É esperar para ver! FONTE: FAMOSIDADES

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário ou sugestão: