sábado, 7 de abril de 2012

Em dois meses, “Pinterest pornô” consegue 15 mil usuários


O Pinterest é dominado pelo público feminino. Caçar imagens pela internet e, a partir delas, fazer uma seleção visualmente atraente parece simplesmente não ter apelo para os homens – que representam somente 2,1% dos fãs do Instagram no Facebook.

Pensando em um “Pinterest que os homens usassem”, o cofundador do Snatchly Neil Notts se focou no que faltava àquela rede social: pornografia.

Notts disse ao site “VentureBeat” que, apesar do repentino sucesso, ainda precisa descobrir como ganhar dinheiro com a iniciativa. “Mas queremos ter certeza de que continue limpo e não invasivo”, diz.

Fundado há dois meses, o site já aglomera 15 mil cadastros e uma quantidade considerável de “snatches”, como é possível averiguar na seção “browse” do serviço. A partir de um bom leque de tags, o internauta também pode navegar segundo seus interesses específicos.

Outra versão liberal do Pinterest, o Pornterest é um pouco menos parecida com o site original – e um tanto quanto mais poluída. fonte: FOLHA.COM

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário ou sugestão: