quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Asteroide passará a uma distância menor que a da Terra à Lua

Mais um outro asteroide deve passar perto da Terra, mas desta vez o objeto estará a 325 mil km do planeta --uma distância que é menor do que os cerca de 386 mil km que nos separam da Lua nessa época.

A data será 8 de novembro, às 20h28 (horário de Brasília), pelos cálculos da Nasa (agência espacial americana).

O asteroide 2005 YU55 tem a medida aproximada de quatro campos de futebol e é um acontecimento aguardado pelos astrônomos, que desejam estudá-lo. Já estão a postos todos equipamentos de observação possíveis.

Sete anos atrás, noticia o site Space.com, o 2005 YU55 foi considerado como sendo um "potencialmente perigoso" --ou seja, haveria uma possibilidade de ele atingir a Terra, caso sofresse uma mudança na sua rota por alguma influência externa.

Para os alarmistas, porém, vai o aviso: será difícil o objeto atingir o planeta.

Um evento como esse é raro e não ocorre há 25 anos pelo menos, segundo a Nasa. FONTE: FOLHA.COM

domingo, 23 de outubro de 2011

Piloto Marco Simoncelli morre em acidente na etapa da Malásia da MotoGP

O piloto italiano Marco Simoncelli, da Honda, morreu durante a etapa da Malásia da MotoGP, que aconteceu neste domingo (23).

Simoncelli, de 24 anos, estava com a moto inclinada e fazendo uma curva quando um adversário chegou por trás e o atropelou. O acidente foi tão forte que seu capacete voou longe, e ele ficou estirado na pista.

Por conta da fatalidade, a organização da prova suspendeu o resto da corrida. Torcedores que não sabiam da morte de Simoncelli e ouviram a notícia do cancelamento chegaram a atirar garrafas na pista.

Como todos os serviços médicos do GP estão voltados para os pilotos envolvidos no acidente, a prova não pode continuar por conta da falta de médicos de plantão para socorrer outros eventuais acidentes. FONTE: R7

Tubarão-das-galápagos é extinto no Brasil

A existência de uma área de preservação ambiental não impediu que o tubarão-das-galápagos (Carcharhinus galapagensis) fosse extinto no arquipélago de São Pedro e São Paulo --paraíso da vida marinha a 627 km de Fernando de Noronha (PE).

Várias expedições --inclusive a histórica viagem de Charles Darwin no HSM Beagle, em 1832-- dão conta de uma presença anormalmente alta desses bichos.

Entretanto, ao participar de missões científicas recentes, o biólogo da Unicamp Osmar Luiz Jr não encontrou sequer um exemplar.

Intrigado com a discrepância, o pesquisador decidiu investigar. Junto com Alasdair Edwards, da Universidade de Newcastle (Reino Unido), ele analisou dezenas de registros históricos e material recente sobre a espécie e sua presença no conjunto de ilhotas.

O resultado, publicado na revista "Biological Conservation", é claro: o declínio das populações coincide com o início da pesca comercial no entorno do arquipélago, no início da década de 1950.

O último registro do encontro de tubarões-das-galápagos nadando na área foi em 1993. Cruzando os diversos dados e fazendo previsões estatísticas, Luiz Jr estimou em 1998, ou até antes, a extinção local da espécie.

Os tubarões acabam capturados acidentalmente pelos barcos que pescam atum e outros peixes na região. Não há plano de manejo específico para a pesca no entorno.

O sumiço do tubarão, um predador do topo da cadeia alimentar, pode ter consequências graves para todo o seu ecossistema. Predadores intermediários poderiam crescer descontroladamente, em um fenômeno conhecido como cascata trófica.

"Diretamente, os tubarões controlam a população de suas presas e, indiretamente, a população dos organismos que elas consomem", disse Luiz Jr à Folha.

Segundo o cientista, é possível que, eliminada a pressão da pesca, possa haver uma recolonização da espécie no arquipélago.

 
 
CRÍTICAS - O coordenador do Proarquipélago (única estação científica em São Pedro e São Paulo), Fábio Hazin, da Universidade Federal Rural de Pernambuco, discorda do resultado do trabalho.

Hazin diz ter encontrado três exemplares da espécie capturados acidentalmente em um barco da região. O trabalho que descreve o encontro ainda não foi publicado. O pesquisador
concorda, no entanto, que o ecossistema foi abalado. "Houve uma redução dramática [do número de tubarões]. Isso é inegável".

Após a publicação do trabalho de Luiz Jr, circularam em fóruns na internet críticas aos resultados de Hazin, que é filho do fundador da empresa Norte Pesca, que atua no Nordeste. "Está havendo perseguição. Eu nunca tive nada a ver com a empresa", disse. FONTE: FOLHA.COM

Brasileiro que criou Kinect quer fazer algo 'dez vezes melhor'

O brasileiro Alex Kipman revolucionou não só o mundo dos videogames, mas o conceito da interação com a tecnologia por meio do Kinect, um sistema de reconhecimento de movimento com o qual tenta "inventar o futuro".

Depois da sensação causada pelo Kinect no mercado com apenas um ano de vida, a tarefa de Kipman, diretor de incubação do Xbox, o console da Microsoft, não é nada fácil. Primeiro, superar a si mesmo; depois, criar algo que continue o caminho iniciado.

"Meu trabalho é inventar o futuro", disse em entrevista à Efe no quartel-general da Microsoft em Seattle, na qual fez um balanço sobre o primeiro aniversário de um dispositivo cujo uso se estendeu a novas aplicações que afetam a "vida real", inclusive a medicina.

Apaixonado por seu trabalho, esse engenheiro de 32 anos, que foi recrutado pela Microsoft logo após terminar seus estudos de engenharia de software, afirma: "Agora eu sou minha própria concorrência. O que precisamos fazer tem que ser dez vezes melhor que o Kinect".

Graças a seu sofisticado software, que consta de um sensor de profundidade, microfones e uma câmara que acompanha o movimento do corpo em espaço tridimensional, o Kinect é capaz de escanear o jogador para que atue de forma interativa com seu avatar na tela do televisor.

A visão por trás do Kinect, que ele define como "uma viagem que acaba de começar", é adaptar as tecnologias para "poder interagir com as máquinas de uma forma muito mais natural, como funciona no mundo real".

"As tecnologias estão cada vez mais presentes, temos mais dispositivos e aparelhos nas mãos, tornando nossa vida mais complicada. Nossa visão é ir contra isso", afirma, antes de explicar que em seu laboratório foi capaz de criar "pela primeira vez, experiências que nos entendem, e não [experiências] que nós temos que entender".

O engenheiro lembra que, até pouco tempo atrás, esses conceitos para o público eram "ficção científica", mas seu objetivo é transformá-la em feitos.

"Isto é algo histórico e não é só algo que mudou o mundo dos videogames e do entretenimento, mas que causa mudanças fundamentais na vida cotidiana", algo conhecido como o "efeito Kinect".

Seis meses após o seu lançamento, a Microsoft liberou o kit de desenvolvimento (SDK) do aparelho para Windows, que já é empregado em outras atividades associadas à vida real, como tratamentos para as crianças com danos cerebrais e pacientes com esclerose múltipla.

Kipman se mostrou "entusiasmado" com as novas aplicações de sua invenção, "mas não surpreendido" por seu "enorme potencial". "Temos que entender que a linguagem da tecnologia tem uma nova cara. É algo com o que se pode interagir de uma forma muito mais interessante e natural. E isto é só o começo", acrescenta.

O próximo passo para o Kinect será uma nova versão, ainda não anunciada, aprimorada do dispositivo, enquanto o futuro no mundo dos videogames está por ser desvendado: "É algo que não vimos ainda".

"Não é preciso usar uma bola de cristal para afirmar que daqui a dez anos nada será o mesmo", diz Kipman. "Há dez anos quase não tínhamos internet e agora quase não podemos viver sem ela. A maioria das pessoas não tinha telefones celulares e agora não podem se imaginar sem esses aparelhos", lembra.

Kipman está agora trabalhando em novos projetos --"nada que eu possa contar"-- e continua em contato com a equipe do Kinect, mas avança em sua constante busca para reinventar o mundo dos videogames.

Ele se declara viciado em trabalho e se diverte em seus laboratórios fazendo testes e criando hardware e software e trocando ideias com seus colaboradores, cerca de 20 pessoas.

"Não levo trabalho pra casa, nunca. Se não estou no escritório não estou trabalhando, não olho e-mails, não checo o telefone, não existe nada relacionado com a Microsoft em meu tempo livre", diz Kipman. "Afinal passo 20 horas por dia, sete dias por semana, no trabalho", brinca.

Entre seus passatempos, além de jogar "muitos videogames", estão a música e o esoterismo.

Agora ele quer passar o tempo com sua filha Ana, que nasceu em novembro do ano passado, na mesma semana em que lançou o Kinect. "Quero passar a maior parte do tempo com ela, vendo como ela descobre o mundo através de seus olhos, algo fascinante." FONTE: FOLHA.COM

iPod faz 10 anos, vira peça de museu e flerta com aposentadoria

"Ele tem um disco rígido de 5 Gbytes e leva até mil canções! São mil canções neste disco", repetia com empolgação Steve Jobs, em um modesto evento na sede da Apple. Era 23 de outubro de 2001, e o mundo conhecia o iPod.

Ao completar uma década de serviços prestados, o tocador de MP3 flerta com a aposentadoria, mas deixa um rastro de transformações para a Apple, a indústria da música e o mundo da tecnologia.

A Apple não fez primeiro --a sul-coreana SaeHan lançou em 1998 o MPMan 10, o primeiro tocador de MP3--, mas foi o iPod que popularizou a categoria, que ainda detém 70% do mercado. Já foram vendidos 314 milhões de unidades, incluindo o Mini, o nano, o Shuffle e o touch.

A marca atingiu o apogeu em 2006. No primeiro trimestre fiscal daquele ano, o iPod gerou mais de 50% da receita da Apple. Atualmente, responde por menos de 8%.

Em termos tecnológicos, o pequeno também desbravou caminhos para a Apple. Foi o primeiro dispositivo da empresa a usar memória flash e o primeiro portátil de Jobs a executar vídeos e fotos. Isso sem contar a maior agilidade para carregar músicas.

Antes do iPod, carregar um disco de 15 músicas em um tocador de MP3 era uma operação que tomava cerca de cinco minutos com um disco de 15 canções. O tempo foi reduzido para dez segundos.

O icônico design, obra de Jony Ive, também ditou a aparência da concorrência e de outros produtos da Apple.

ENGOLIDO PELO IPHONE

O declínio do iPod se acelerou com o lançamento do iPhone, em 2007. Àquela altura, muitos celulares já tocavam arquivos de MP3, e o telefone da Apple chegou oferecendo os serviços do iPod. Tal recurso fez muitos consumidores aposentarem seus tocadores da Apple. E o iPhone virou a vedete da empresa.

Antes do último dia 4, quando o iPhone 4S foi lançado, especulou-se que a Apple anunciaria o fim do iPod Clássico, descendente direto do modelo original e que não é atualizado desde 2009.

Isso não aconteceu, mas a Apple parece estar arquivando a marca. No iOS 5, nova versão do sistema operacional móvel da empresa, o ícone "iPod", que trazia o tocador de músicas nos gadgets da Apple, foi substituído por um que diz apenas "Música".

Sinal dos tempos, o aparelho original virou peça de museu: faz parte do acervo do MoMA, o Museu de Arte Moderna de Nova York. FONTE: FOLHA.COM

Tremor pode ter deixado entre 500 e mil mortos na Turquia

O terremoto de magnitude 7,2 e suas réplicas que atingiram a região leste da Turquia na manhã deste domingo podem ter deixado entre 500 e mil mortos, alertou o Observatório Kandilli, o principal instituto geológico do país, segundo a emissora CNN Türk.

O vice-primeiro-ministro turco, Besir Atalay, disse em coletiva à imprensa que ao menos dez prédios desabaram na cidade de Van e que entre 25 e 30 edifícios foram destruídos no distrito de Ercis, também próximo ao epicentro do tremor.

Em nota, o gabinete do premiê Recep Tayyip Erdogan disse, sem mencionar números, que a situação é preocupante e que certamente há vários mortos, acrescentando que o mandatário já se prepara para ir à região para avaliar os danos.

Segundo o USGS (Serviço Geológico dos Estados Unidos, na sigla em inglês), o sismo teve profundidade de apenas 7,2 km e magnitude 7,2. Inicialmente houve indicação de que o tremor tivesse magnitude de 7,6, mas o valor foi revisado para 7,3 e por último foi estabelecido como 7,2.

Várias casas desabaram, informou a agência de notícias Anatolia, acrescentando que ao menos outros seis temores secundários ocorreram após o primeiro.

Em 1976, um tremor na cidade de Caldiran, na mesma província de Van, deixou 3.840 mortos.

Imagens das emissoras de TV da Turquia mostram pessoas desesperadas nas ruas e muitos prédios destruídos. Equipes de emergência foram enviadas para diversos locais da região e ao menos um prédio é alvo de uma operação especial por haver pessoas presas sob os escombros.

O tremor cortou a distribuição de eletricidade na região que é próxima à fronteira com o Irã.

Linhas de telefone também estão desativadas e o premiê, Recep Tayyip Erdogan, já partiu rumo à cidade de Van para avaliar os danos.

Riscada por falhas geológicas, a Turquia registra pequenos tremores de terra praticamente numa frequencia diária, mas grandes terremotos em 1999 deixaram mais de 20 mil mortos.

Em maio deste anos, dois morreram e 79 ficaram feridos quando um tremor atingiu a região de Simav, no nordeste do país. FONTE: AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Gaddafi foi morto em troca de tiros entre rebeldes e apoiadores, diz premiê líbio

O premiê da Líbia, Mahmoud Jibril, confirmou a agências de notícias que o ex-ditador da Líbia Muammar Gaddafi foi morto durante uma troca de tiros entre rebeldes e seus apoiadores em sua cidade natal, Sirte, nesta quinta-feira.

As declarações chegam após um pedido da ONG Anistia Internacional, em Londres, para que o governo interino líbio fizesse uma investigação e apresentasse mais detalhes sobre as circunstâncias em torno da morte de Gaddafi.

Embora inicialmente não houvesse uma versão oficial, um vídeo que mostra o ex-ditador capturado ainda com vida nesta quinta-feira transmitido por emissoras árabes gerou suspeitas de que ele tivesse sido executado pelos rebeldes.

Numa coletiva de imprensa em Trípoli, Jibril disse que relatórios de perícia mostram que a causa da morte foi um tiro recebido durante um tiroteio.

"Gaddafi foi retirado de dentro de uma tubulação de esgoto e não mostrou resistência alguma. Quando começamos a movê-lo ele foi atingido por um tiro no braço direito e quando o colocamos numa picape ele ainda não tinha nenhum outro ferimento", disse o premiê citando o relatório.

"Quando o carro começou a se mover houve um tiroteio entre rebeldes e as forças de Gaddafi, no qual ele foi atingido por um tiro na cabeça. O médico legista não conseguiu determinar se a bala pertencia aos rebeldes ou às forças de Gaddafi", disse Jibril, acrescentando que o ex-ditador morreu poucos minutos após chegar a um hospital de Misrata.

Jibril disse ainda que o anúncio da liberação da Líbia será feito no sábado (22), em Benghazi, e que Mutassim Gaddafi, filho do ex-ditador capturado nesta quinta, também está morto, embora Saif al Islam ainda esteja foragido.

AVIÕES FRANCESES E DRONE DOS EUA

Em outra indicação sobre as circunstâncias da morte do ex-ditador, o ministro da Defesa da França, Gérard Longuet, anunciou que aviões franceses identificaram e "pararam" o comboio no qual estava o ex-ditador antes que fosse atacado em terra por forças líbias do novo regime.

O comboio, "de várias dezenas de veículos", foi "parado quando tentava fugir de Sirte, mas não foi destruído pela intervenção francesa", explicou Longuet à imprensa.

Depois os combatentes líbios do Conselho Nacional de Transição (CNT) chegaram, destruindo os veículos dos quais "retiraram o coronel Gaddafi", acrescentou o ministro.

Segundo Longuet, um caça Mirage-2000 francês recebeu a ordem do comando conjunto da Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte) "de impedir o avanço dessa coluna" e após o ataque do avião ao comboio das forças do CNT "foram destruídos os veículos, deixando mortos e feridos, entre os quais, segundo foi confirmado posteriormente, estava o coronel Gaddafi".

Um drone americano Predator também disparou um míssil contra o mesmo comboio. O drone disparou seu míssil Hellfire nas imediações de Sirte "contra o mesmo comboio" que foi atacado pelo caça francês, segundo esta autoridade.

MANDATO DA ONU

Embora tenham reiterado que a meta no país não era a captura do ditador, algo que não estava incluso nas resoluções das Nações Unidas que aprovaram a missão da Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte), as potências ocidentais deixaram transparecer nos últimos meses que persistiriam até que o país estivesse totalmente livre do ex-ditador.

"A Otan e seus parceiros concluíram com êxito o mandato histórico confiado pelas Nações Unidas para proteger o povo líbio. Nós terminaremos nossa missão em coordenação com as Nações Unidas e com o Conselho Nacional de Transição", disse o secretário-geral da aliança atlântica, Anders Fogh Rasmussen.

Na mesma linha, o presidente dos EUA, Barack Obama, disse mais cedo que com a morte de Gaddafi a Líbia está "totalmente livre" e a missão da Otan "atingiu seus objetivos e deve logo chegar ao seu fim".

Vários países, incluindo os Brics (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul) criticaram a aliança atlântica e as potências por terem extrapolado os limites dos mandatos da ONU durante a ação na Líbia e mostram hesitação quanto a medidas semelhantes em países como a Síria, onde a repressão do ditador Bashar al Assad aos protestos já teria deixado mais de 3.300 mortos, segundo a ONU. FONTE: AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS

sábado, 15 de outubro de 2011

Lei antifumo pode se tornar nacional

A lei antifumo existe em diversas cidades do mundo e, no Brasil, é aplicada em sete Estados. A principal medida dessa lei é proibir o consumo de cigarro em ambientes coletivos fechados, para desconforto em não-fumantes e, principalmente, riscos para a saúde. Agora, essa lei pode se tornar nacional. O deputado Renato Molling (PP-RS) pode inserir na Medida Provisória 540/11 emendas que criam uma lei antifumo válida para todo o país. A proposta gera controvérsia. Por um lado, organizações de saúde aprovam a restrição do fumo, mas também criticam alguns pontos da proposta.

A MP 540 cria o plano Brasil Maior – uma série de medidas para estimular a indústria nacional. Uma delas aumenta em até 300% o imposto sobre os cigarros vendidos no Brasil. Molling, relator da proposta, quer aproveitar a MP para tentar aprovar restrições ao fumo. "Nós estamos estudando essa possibilidade. Seria uma lei nacional que proíbe o fumo em locais coletivos fechados." Segundo o deputado, a ideia é transformar em nacional proibições que já existem em algumas cidades e Estados brasileiros, e em muitas localidades ao redor do mundo.

Uma das propostas estudadas pelo deputado proíbe a produção e venda de cigarros com sabor. Há hoje cerca de 40 marcas desse tipo de produto, que oferecem sabores como menta, cravo e cereja. O produto é questionado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que considera que as substâncias adicionadas ao cigarro para criar o sabor também são prejudiciais a saúde. Além disso, esse tipo de produto tem os jovens como público-alvo, tentando estimular as pessoas a começar a fumar mais cedo.

Algumas propostas, no entanto, geram controvérsia. Molling diz que pretende autorizar a utilização dos "fumódromos" nos estabelecimentos comerciais. Segundo o deputado, o objetivo é evitar que estabelecimentos percam clientes por causa da lei. "Nós não estamos criando os fumódromos, estamos apenas permitindo, desde que seja proibida a entrada de menores de 18 anos e seja em local isolado do resto do estabelecimento. Isso é importante para não colocar em risco a viabilidade econômica dos estabelecimentos."

Sete Estados brasileiros (São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Rondônia, Roraima, Amazonas e Paraíba) possuem legislação antifumo e proíbem a existência de fumódromos. A justificativa para a proibição é que fumar em ambientes fechados, com fumaça de outros fumantes, aumenta ainda mais os riscos dos fumantes desenvolver doenças relacionadas ao cigarro. Além disso, a OMS não recomenda a prática. O Ministério da Saúde brasileiro também é contra a legalização dos fumódromos.

Outra controvérsia é em relação à exposição do cigarro nos postos de venda. A proposta do deputado proíbe a exposição de propagandas de cigarros nos postos de venda, mas autoriza que o produto seja exibido. Os grupos antitabaco defendem que não haja nem propaganda nem exposição do produto, para evitar que jovens sejam atraídos.
Dificuldade em aprovar a MP pode fazer deputado recuar 

Os pontos polêmicos e as controvérsias podem fazer com que o deputado não apresente suas medidas no relatório final da MP 540. Molling disse a ÉPOCA que, como o assunto é controverso, a falta de acordo sobre a lei antifumo pode dificultar a aprovação do plano Brasil Maior. Se isso acontecer, e não houver acordo entre os parlamentares, Molling vai retirar a lei antifumo de seu relatório e tentar fazê-la tramitar como projeto do lei.

É provável que seja esse o caminho que a proposta de uma lei nacional antifumo vá trilhar, porque a MP sozinha já vai demandar muita negociação. Para se ter uma ideia, até o momento são mais de 240 emendas parlamentares propostas no texto da medida. Além disso, a MP tem prazo para ser aprovada, e enquanto isso não acontecer vai trancar a pauta no Congresso.

Na segunda-feira (17), o deputado vai se reunir com o presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS), para debater a tramitação do texto e as emendas apresentadas. O texto final, com ou sem lei antifumo, deve ser apresentado na semana seguinte.
Em São Paulo, diminuiu o consumo de cigarros

No mês passado, a lei antifumo de São Paulo completou dois anos, e a Secretaria Estadual de Saúde divulgou números sobre o consumo do cigarro no Estado. De acordo com esse levantamento, aumentou a quantidade de não-fumantes em 2010, e caiu a porcentagem de fumantes pesados.

Em 2010, 29% dos paulistas foram consideradas fumantes pesados (que consomem mais de dois maços de cigarro por dia), 29% como fumantes (de um a dois maços por dia), 14% como fumantes leves (menos de um maço por dia) e 28% se declararam não-fumantes. Apenas analisando os números, não é possível saber se o aumento dos não-fumantes aconteceu por causa da lei antifumo, mas a secretaria de saúde acredita que a lei contribuiu para a diminuição de fumantes. FONTE: REVISTA ÉPOCA

Presos trabalham em obras da Copa de 2014

Sessenta e três presos e ex-presos trabalham atualmente em obras para a Copa de 2014. Com experiência em construção civil, eles foram contratados em Brasília, Belo Horizonte, Salvador, Fortaleza e Natal. A expectativa é de que mais detentos e ex-detentos sejam selecionados em outras cidades-sede do mundial.

A possibilidade de contratar presidiários e ex-presidiários foi estabelecida num termo de cooperação técnica assinado em 2010 pelo Comitê Organizador da Copa, o Ministério dos Esportes, Estados e municípios que vão sediar o torneio e o CNJ(Conselho Nacional de Justiça)

O documento estabeleceu que nas obras de infraestrutura com mais de 20 operários 5% dos postos devem ser reservados a detentos, ex-detentos, pessoas que cumprem penas alternativas e adolescentes infratores.

De acordo com informações divulgadas ontem pelo CNJ, a maior parte das contratações ocorreu em Belo Horizonte, onde 28 presos estão atuando, seguida por Fortaleza, com 12, e Brasília, com 10. Em Natal, trabalham 8 detentos e em Salvador, 5.

O CNJ divulgou relatos de presos que participam da construção do Estádio Nacional de Brasília. Um dos detentos disse que é uma experiência para recomeçar a vida.

- É uma experiência nova, uma oportunidade para eu seguir em frente e começar vida nova. Eu não posso deixar a bola cair.

Um outro detento comentou que agora o dinheiro não é mais fácil. 

- É uma realidade bastante diferente. Agora eu estou ganhando dinheiro suado, não é mais o dinheiro fácil de antes", afirmou outro preso.

Os presidiários que trabalham na construção do Estádio Nacional de Brasília recebem salário de R$ 554 e auxílio transporte de R$ 220. As refeições são oferecidas gratuitamente no canteiro de obras. Como benefício, a cada três dias de trabalho os presos conseguem reduzir um no tempo de duração da pena. FONTE: AGÊNCIA ESTADO

Chanceler italiano pede anulação do visto dado a Battisti no Brasil

O ministro das Relações Exteriores da Itália, Franco Frattini, disse nesta sexta-feira (14) esperar que o visto concedido ao ex-militante Cesare Battisti seja revogado pelas autoridades brasileiras.

- Desejo que as decisões do procurador sejam seguidas inclusive pelos juízes.

Para o chanceler, a anulação do visto representaria a “aplicação da lei brasileira”. Nesta quinta (13), o MPF (Ministério Público Federal) no Distrito Federal pediu à Justiça a anulação do visto de permanência concedido a Battisti, que vive no Brasil.

A Procuradoria solicitou também a deportação do italiano. Ele não poderá, contudo, ser enviado de volta ao seu país. Na ação, o MPF sugere a França e o México, nações pelas quais o ex-ativista passou antes de vir para o Brasil, ou um país que aceite recebê-lo.


No entendimento da Procuradoria, o visto dado a Battisti entra em atrito com o Estatuto do Estrangeiro, que impede a concessão do benefício a pessoas que tenham sido condenadas ou processadas em outro país por crime doloso, passível de extradição segundo as normas brasileiras. 

Na Itália, Battisti foi condenado à prisão perpétua por quatro homicídios ocorridos no fim dos anos 70, quando integrava a organização de esquerda PAC (Proletários Armados pelo Comunismo). FONTE: ANSA

Advogada da Samsung não consegue diferenciar Galaxy Tab de iPad durante audiência

Não se engane: iPad 2, à esquerda, e Galaxy Tab 10.1, à direita
"Jogados na mesa da sala, não dá para dizer de relance quem é quem: o novo tablet da Samsung, o Galaxy Tab 10.1, ou o da Apple, o iPad 2."

Essas são as primeiras palavras de um dos textos de Fernanda Ezabella, correspondente da Folha em Los Angeles, na edição de 18 de maio de Tec (ela foi a única jornalista brasileira a participar do Google I/O 2011, em San Francisco, e a testar o Galaxy Tab 10.1, apresentado no evento).

Pois a Fernanda não foi a única a notar a... hmmm, notável semelhança entre os dois tablets, como relata a Reuters.

Durante a audiência em que se concluiu que o Galaxy Tab viola patentes do iPad, na quinta-feira (13), a juíza Lucy Koh segurou os dois tablets no ar e perguntou a Kathleen Sullivan, advogada da Samsung, se ela sabia dizer qual era o iPad e qual era o Galaxy Tab.

"Não dessa distância, vossa excelência", respondeu Sullivan, que estava a cerca de três metros dos aparelhos. Koh repetiu a pergunta para os outros advogados da Samsung, e um deles deu a resposta certa. FONTE: BLOG DE TEC

Lutador do taekwondo é o primeiro a garantir medalha ao Brasil

Marcio Wenceslau, 31, derrotou o uruguaio Mayko Votta neste sábado, no Pan-Americano, e se classificou para a semifinal da categoria até 58 kg do taekwondo. Desse modo, ele se tornou o primeiro brasileiro a garantir uma medalha ao pais neste Pan --neste esporte não há disputa pelo terceiro lugar.

Wenceslau venceu pelo placar de 7 a 2 e vai enfrentar o mexicano Damian Villa na semi, que acontece ainda neste sábado.

Os dois já se enfrentaram e o brasileiro levou a melhor. Após a luta contra o uruguaio, Wenceslau ressaltou que seu foco não é ficar no bronze.

"Desde o Pan do Rio, trabalhei duro para estar aqui de novo, mas o objetivo agora é o ouro. No Rio, fui um dos primeiros a pegar a prata. Agora sou o primeiro já com o bronze, mas não quero parar por aí. Devo pegar o mexicano com toda essa torcida, mas estou focado", afirmou ele, que foi vice-campeão mundial, em Madri-2005.

O México é uma das potências do taekwondo no continente. A final também está marcada para este sábado. FONTE: FOLHA.COM

Internado ainda bebê, garoto vai para casa após 10 anos em hospital de Minas Gerais

Após 10 anos internado na unidade de pediatria do Hospital Regional de Betim (MG), o garoto Haysllan Gonçalves Gomes, 10, acometido por “Distrofia Muscular Miosina Negativa”, uma doença rara, foi transferido da unidade hospitalar para a casa dos pais, nesta quinta-feira (13).

A mudança somente foi possível por conta da instalação de aparelho portátil de ventilação mecânica na residência da família, custeado por parceria entre programa do município criado com intuito de desinternar pacientes e a Fhemig (Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais).

O garoto vai permanecer com auxílio de médico, fisioterapeuta e enfermeiro que o acompanharão em casa, sem custo para os familiares, além do fornecimento do material de consumo, como oxigênio e sondas, de acordo com informação do hospital.

A gerente da pediatria do hospital, Valéria Teixeira Tregas, informou que o garoto, apesar da enfermidade, interage com o mundo ao seu redor.

“É uma criança que interage com o meio social. Ele conversa, foi alfabetizado aqui no hospital. Ele já tinha condição de ir para casa, desde que fossem oferecidas a ele condições de sobreviver fora do ambiente hospitalar”, revelou.

A funcionária informou que os pais do garoto passaram por treinamento no hospital para lidar com o aparelho.

Filho - Apesar de não ser o único caso assistido pelo hospital, a gerente ressaltou que o garoto, pelo tempo que passou na unidade hospitalar, era considerado um “filho” para os servidores do hospital que tinham contato com ele.

Outras 3 crianças foram objeto do mesmo programa, mas nenhuma ficou tanto tempo na unidade hospitalar, conforme a gerente.

“Por ser uma criança muito carismática, todos que se envolveram com ele têm um carinho muito grande por ele”, disse a mulher, ressaltando torcer para que tudo corra bem com ele no novo ambiente.

“Eu acredito que ele vai dar tudo certo. A família foi acompanhada tanto pela assistente social como o serviço de psicologia para poder trabalhar essa questão da insegurança de estar com uma criança, nessas condições, dentro de casa”, ressaltou. FONTE: UOL

Horário de verão começa amanhã em 11 Estados e no Distrito Federal


Entra em vigor a partir da zero hora deste domingo (16) o horário de verão, quando os relógios de quem mora nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste do Brasil, além do Estado da Bahia, deverão ficar adiantados em uma hora. A medida vale para 11 Estados e o Distrito Federal.

O novo horário, que dessa vez termina à zero hora do dia 26 de fevereiro de 2012, vai vigorar em Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Distrito Federal e Bahia.

Esta é a 41ª edição do horário de verão que, desde 2008, possui data fixa de início (terceiro domingo de outubro) e término (terceiro domingo de fevereiro do ano subsequente).

Se a data coincidir com o domingo de Carnaval, o fim do horário de verão é transferido para o domingo seguinte).

O horário de verão é sempre adotado nesta época do ano por causa do aumento na demanda, resultado do calor e do crescimento da produção industrial às vésperas do Natal.

De outubro a fevereiro, os dias têm maior duração por causa da posição da Terra em relação ao Sol, e a luminosidade natural pode ser melhor aproveitada.

O horário de verão 2011/2012 terá 133 dias de duração e é o mais longo desde 1985, segundo o ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico).

Considerando-se todos os Estados atingidos pela medida, a diminuição da demanda estimada será de 4,6%, ou o equivalente a 2.650 megawatts (MW).

A maior redução (4,9%) deverá ocorrer na região Sul, correspondendo a 600 MW. Isso significa, segundo o ONS, 75% da demanda de Curitiba (PR) ou três vezes a de Florianópolis (SC).

Nas regiões Sudeste e Centro-Oeste juntas, a diminuição projetada do consumo é 4,6% e corresponde a 2.050 MW, ou duas vezes a demanda de Belo Horizonte e duas vezes e meia a de Brasília.

Economia - A economia que a medida deve trazer para o país pode variar entre R$ 75 milhões e R$ 100 milhões, segundo estimativa da ONS. No verão 2010/2011, o horário de verão gerou umaeconomia de R$ 30 milhões ao sistema elétrico.

Se não houvesse o horário de verão, o aumento da demanda por energia elétrica durante o verão poderia custar um investimento de R$ 3,8 bilhões para a expansão da capacidade instalada, de acordo com o ONS.

O cálculo foi estimado com base no custo de implantação de uma usina térmica a gás de ciclo combinado. Para minimizar os efeitos do crescimento excessivo do consumo de energia no período. FONTE: UOL

domingo, 9 de outubro de 2011

Começam eleições parlamentares na Polônia

Os colégios eleitorais abriram neste domingo suas portas para os mais de 30 milhões de poloneses, convocados para escolher os membros do Parlamento e do Senado, em um pleito onde o partido liberal Plataforma Cidadã, que governa a Polônia desde 2007, se postula como favorito para repetir o mandato.

A jornada eleitoral começou às 7h (horário local, 2h de Brasília) e se prolongará até as 21h (16h), 14 horas depois.

As autoridades polonesas pretendem que os cidadãos contem com todas as facilidades para votar, o que justifica a ampla margem de tempo e os 25.993 colégios eleitorais habilitados para tal.

Apesar deste desdobramento, as últimas pesquisas de intenções de voto preveem que a abstenção supere 50%.

Estas pesquisas dão a vitória à liberal PO (Plataforma Cidadã) com 39% dos votos, seguida do conservador Lei e Justiça, partido de Jaroslaw Kaczynski, que poderia chegar a beirar os 30%. FONTE: EFE

China proíbe reencarnar sem autorização!

Não se conhecem outros planetas com vida. Ainda não. Por isso o planeta Terra tem essa admiração, respeito e ar de inédito, já que é o centro das atenções. Pelo menos foi o centro do universo até que Nicolau Copérnico chegou com seu heliocentrismo.

E por ser o bam bam bam é que as coisas mais inusitadas tendem a acontecer por aqui, já que a vida abunda neste planeta azul. Tudo surge com mais ênfase no vizinho de Marte. Os fatos cotidianos da Terra são tão impressionantes que se fossem transmitidos em HD para Marte e Vênus, por exemplo, o payperview iria faturar milhões de reais. Sim, em reais. O dollar não serve nem para troco na via láctea.

Depois do Pop in Rio, do massacre na Noruega, dos suicídios de alunos, da corrupção absurda e de tantos outros absurdos, a China, amiguinha confidente do Brasil, regulamentou uma nova lei para os budistas tibetanos.

O budismo, como se sabe, é uma religião de grande abrangência nos países asiáticos como Índia, China, Japão... Além de todas as práticas de meditação e recitação de textos sagrados, uma das características mais marcantes do Budismo tibetano é a reencarnação. Seu líder espiritual é o Dalai Lama, que reencarna a cada geração. O Tibet continua sob o controle da China. Por isso o Dalai Lama vive na Índia, já que a China só pega no pé dos monges de túnica laranja.

E dessa vez o governo chinês pisou novamente no calo dos lamas. Decretou que nenhum budista poderá reencarnar, a menos que pegue, antes de morrer, uma autorização do governo. Isso mesmo. Antes de abotoar o paletó, aliás, de dobrar a túnica, a pessoa deve pedir uma autorização para poder, futuramente, voltar a viver.

Parece piada, mas é verdade. Não me canso de falar que a excentricidade dos orientais me surpreende a cada dia. A nação que é mãe da medicina milenar, da acupuntura, das práticas de meditação e concentração também faz coisas que participam da arte do absurdo. Não é difícil encontrar maluquices nas TVs chinesas e japonesas como programas de testes físicos bizarros ou shows sem a mínima noção de racionalidade.

Imagine se um pobre monge, que de repente sofre um ataque cardíaco, vem a falecer sem pegar a autorização? Nunca mais vai poder reencarnar! A não ser que ele viva em outro lugar. O Brasil, por razões óbvias, irá acolher com sorrisos e pandeiros os novos imigrantes... Ou seriam refugiados do campo espiritual?

Do jeito que as coisas andam, é capaz de já haver um meio de entrada ilegal no país para as almas que queiram voltar a viver e não têm o passaporte. Dizem até que existem várias pessoas em situação ilegal. Alguns usam os documentos da vida passada. E sendo assim podem acontecer casos difíceis, como o de algumas mulheres que reencarnaram como homens... Estas, agora "estes", sentem o maior constrangimento em mostrar o documento de identidade, que marca uma idade absurda que chega a mais de 350 anos e uma foto em sépia de uma jovem com trajes de dois séculos atrás!

Que situação, viu! É por isso que a audiência da Terra só cresce no universo. Isso chama muito a atenção dos marcianos e dos plutônicos, já que o planeta-anão também consegue receber alguns sinais da Blue Planet TV. A "comédia da vida terráquea" é um sucesso. Copérnico estava equivocado. O Sol pode ser o centro da galáxia, mas a Terra ainda é a audiência do Universo.

O Dalai Lama disse que já está planejando a sua reencarnação. Com certeza, por ser contra a nova lei chinesa, poderá ser mais um refugiado espiritual. Ele já disse que não vai reencarnar no Tibet sob o controle da China. Aonde será que ele pretende renascer? Só pode ser no Brasil! O país onde tudo pode, com certeza não vai recusar um líder espiritual tão aclamado.

Todo mundo quer vir para o Brasil. Até os marcianos querem vir pra cá. E ainda tem gente que não gosta da nação brasileira. Os brasileiros são os únicos que aceitam tudo, até refúgio espiritual. Por isso daqui não saio, daqui ninguém me tira! FONTE: Diego Schaun/TERRA MAGAZINE

Califórnia aprova lei de inserção universitária de imigrantes ilegais

O governador da Califórnia, Jerry Brown, firmou neste sábado a "Lei dos Sonhos" do Estado (Dream Act), que converte os imigrantes ilegais em possíveis beneficiários do dinheiro estatal para financiar seus estudos em universidades americanas.

Graças a esta lei, os imigrantes ilegais que atenderam à escola secundária no Estado da Califórnia podem receber a ajuda "Cal-Grant", que no ano passado repartiu bolsas a mais de 370 mil estudantes pobres, proporcionando uma média de US$ 4.500 por assistência.

"Ir à universidade é um sonho que promove a motivação intelectual e o pensamento criativo. O Dream Act irá beneficiar a todos, proporcionando aos melhores estudantes uma oportunidade para melhorar suas vidas e as de todos", disse Brown.

Funcionários californianos estimam que cerca de 2.500 estudantes estarão qualificados para receber a bolsa com a entrada em vigor da nova legislação, denominada AB 131, e que terá um custo de US$ 14,5 milhões, tal como comunicou o gabinete de Brown.

A totalidade do programa "Cal Grant" está subsidiada com US$ 1,4 bilhão, o que quer dizer que apenas 1% de todo o dinheiro do programa será gastado na AB 131 quando a lei entrar em vigor, disse o Estado por meio de um comunicado.

A lei foi aprovada pelo Congresso de Califórnia no dia 2 de setembro e estava à espera da aprovação do governador.

Brown, um experiente democrata, tornou-se governador do estado da Califórnia em janeiro, quando sucedeu Arnold Schwarzenegger, que havia vetado esta lei.

A aprovação da lei no estado liberal da Califórnia, que possui grande número de população imigrante, pode ser vista como um sinal para os legisladores de Washington sobre a controvertida lei de Desenvolvimento, Ajuda e Educação dos Menores Estrangeiros.

A lei federal 'Dream' poderá proporcionar uma permissão de residência de seis anos aos graduados na escola secundária que tenham chegado aos Estados Unidos de maneira ilegal, além de permitir-lhes pagar taxas universitárias muito mais baratas ou obter bolsas com o objetivo de financiarem seus estudos universitários.

Esta lei poderia beneficiar 55 mil filhos de imigrantes que foram levados de forma ilegal aos Estados Unidos por seus pais e que se formaram no sistema público de educação e não têm condições de arcar com as elevadas taxas universitárias. FONTE: FRANCE PRESSE

sábado, 8 de outubro de 2011

Pai biológico de Steve Jobs diz 'não ter nada a dizer' sobre morte do filho

O pai biológico de Steve Jobs, Abdul Fatah John Jandali, disse ao jornal norte-americano "Reno Gazette-Journal" na quarta-feira (5) que soube da morte do fundador da Apple, mas não quis dar entrevistas. "Eu realmente não tenho nada a dizer", disse Jandali, que é vice-presidente do cassino do Hotel Boomtown, na cidade de Reno, em Nevada. "Eu sei [que Jobs morreu]".

Em agosto, depois que Steve Jobs renunciou ao cargo de CEO da Apple, o executivo de 80 anos disse para um tabloide inglês que gostaria de conhecer o filho biológico, que foi entregue para adoção quando bebê. "Eu tenho esperança de que ele chegue a mim antes que seja tarde demais. Mesmo que seja só para tomar um café, apenas uma vez, me faria um homem feliz", disse ao jornal.

Jobs não se pronunciou sobre o pedido público do pai biológico e os dois nunca se conheceram.

O pai natural de Jobs é de origem síria. Ele e a mãe natural do cofundador da Apple, Joanne Schieble, eram estudantes quando Jobs nasceu em 1955 e o deixaram para adoção. Jobs foi criado por Paul e Clara Jobs.

Em setembro, Jandali disse ao "Reno Gazette-Journal" ter se arrependido da entrevista ao tabloide inglês. Ele também afirmou que, quando soube que Jobs tinha um câncer no pâncreas, enviou seu histórico médico na esperança de poder ajudar o filho. FONTE: G1

Eduardo Costa deixa hospital após acidente com avião e confirma show

O cantor sertanejo Eduardo Costa confirmou show para a noite deste sábado (8) em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, um dia após o acidente com o avião dele em Manhuaçu, na Zona da Mata de Minas Gerais. Após deixar o hospital na noite passada, o cantor usou o twitter para enviar mensagens aos fãs e dar detalhes sobre o que aconteceu com a aeronave. "Hj (sic) eu nasci de novo, foi a pior coisa que já passei...", contou Eduardo Costa.

O cantor postou que uma falha no reverso - parte do sistema de freios - causou aceleração na aeronave. "O avião ficou destruído, aconteceu com meu avião o mesmo que aconteceu com o jato da Tam, o reverso não funcionou e acelerou o avião”. Ainda segundo Costa, os dois pneus traseiros da aeronave explodiram, o trem de pouso arrastou no chão, fazendo sair fogo.No acidente, ele fraturou a mão direita e o nariz ao se assustar com o fogo e tirar rapidamente o cinto. “Eu estava com o cinto, mais (sic) quando vi fogo, tirei porque achei que ia pegar fogo ou explodir, tirei pra poder sair mais rapido... Mais (sic) eu não devia ter tirado, foi muito pior...Bati com a cabeça e com a mão...Quebrei a mão e o nariz em dois lugares...Mais (sic) tô bem”, disse.

O avião de Eduardo Costa invadiu lavoura em Manhuaçu, na Zona da Mata em MG
O piloto, o copiloto e um segurança também estavam no avião, segundo a assesoria do cantor, e não se feriram. Eduardo Costa foi atendido no Hospital César Leite, em Manhuaçu, onde passou por exames de raio-x. Segundo o hospital, ele deu entrada às 18h30 desta sexta-feira (7) e recebeu alta horas depois. O show que faria ontem em Simonésia, na Zona da Mata, foi cancelado por orientações médicas.

O acidente poderia ter sido pior, segundo o cantor. “Graças a Deus, o comandante não arremeteu. Se tivesse feito, tínhamos batido em uma montanha logo na frente e morrido todos”. Na noite desta sexta-feira (7), a assessoria do cantor informou que a aeronave apresentou uma falha no sistema de freios, saiu da pista e invadiu uma lavoura. FONTE: G1

Aviões-robôs dos EUA são infectados por vírus, diz site

Predator, o avião-robô usado pelo exército norte-americano
Aviões-robôs militares dos Estados Unidos, que são usados em missões no Afeganistão e em outras zonas de guerra, foram infectados por um vírus, segundo o site da revista "Wired". A ameaça foi inicialmente detectada há duas semanas e não impediu que as máquinas continuassem em suas missões.

O malware infectou o cockpits dos aviões conhecidos como Predator e Reaper, gravando as teclas que os pilotos usam para comandar os robôs à distância, diz a "Wired". Ainda não ficou confirmado se houve algum incidente ou alguma informação secreta foi perdida.

"Nós estamos trabalhando para limpar o computador, mas o vírus continua voltando. Achamos que é benigno, mas ainda não sabemos", disse uma fonte ouvida pela "Wired". Os especialistas não sabem se a ameaça entrou no sistema por acidente ou como ele se espalhou.

De acordo com o site, o uso dos sistemas de aviões-robô já é conhecido pelas falhas de segurança, já que muitos deles não conseguem encriptar o vídeo que é transmitido para as tropas norte-americanas. FONTE: G1

Toureiro atingido no rosto se recupera após cirurgia de 5 horas na Espanha

O toureiro Juan José Padillha se recupera após uma cirurgia de cinco horas para reconstruir sua face após ter sido atingido por uma chifrada no rosto na sexta durante tourada na cidade de Zaragoza, informou o hospital que o tratou neste sábado (8).

Imagens da televisão local mostraram o momento em que o chifre do touro atravessou a face esquerda de Padilla, destruindo seu globo ocular esquerdo, enquanto os espectadores gritaram em horror.

O toureiro, de 39 anos, sofreu danos no olho, ossos, músculos e pele da face. A TV também mostrou Padilla saindo da arena, com o rosto sangrando, enquanto assistentes distraíam o touro.

“Não consigo ver, não consigo ver nada!”, gritava o toureiro, que foi levado por equipes de emergência à Casa de Misericórdia de Zaragoza, de onde foi transferido depois para o hospital Miguel Servet, onde foi operado.

Cirurgiões usaram placas e malhas de titânio para reconstruir a estrutura óssea da face de Padillha e sua cavidade ocular, disseram os médicos Simon Sanz e Nadal Cristobal em um comunicado.

Segundo um porta-voz do hospital, médicos também tentaram reconstruir seu nervo ocular e que o toureiro teve sorte de que as chifradas não tenham atingido seu cérebro.

O touro, chamado Marques, pesa 508 kilos e foi o segundo enfrentado pelo toureiro durante o segundo dia da festa anual em homenagem à Virgem de Pilar em Zaragoza, cidade ao nordeste da Espanha.

No final de setembro, as touradas foram definitivamente proibidas na região espanhola da Catalunha. Mesmo assim, as touradas são permitidas em todas as outras regiões da Espanha, exceto nas Ilhas Canárias.Os ativistas que lutam contra as touradas querem estender o veto à outras regiões. FONTE: AP/G1

quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Morre Steve Jobs, 56, fundador da Apple

Steve Jobs mostra a versão branca do iPhone 4 à época do lançamento
O fundador da Apple, Steve Jobs, 56, morreu nesta quarta-feira. O executivo, que sofria de câncer, se afastou da empresa em agosto. Ele ocupava a presidência-executiva da Apple desde 1997.

Jobs passou por um transplante de fígado há dois anos e, em 2004, descobriu que tinha uma forma rara de câncer no pâncreas.

Nas suas raras aparições neste ano, como no lançamento do iPad 2, em março, ele pareceu ainda mais magro que o normal.

Em agosto, disse em sua despedida: "Sempre disse que, se chegasse o dia em que não poderia mais cumprir meus deveres e expectativas, eu seria o primeiro a avisá-los. Infelizmente esse dia chegou."

Steve Jobs era considerado o grande responsável pela ascensão da Apple do posto de empresa combalida ao status de companhia com maior valor de mercado do mundo.

Desde que reassumiu o comando da empresa em 1997 --cargo do qual foi destituído dois anos antes- - Jobs elevou o valor das ações da Apple de um patamar de US$ 5 para mais de US$ 370.

Como comparação, a Microsoft, que na volta de Jobs à Apple era a líder em tecnologia, vale hoje US$ 209 bilhões, cerca de US$ 140 bilhões menos que a rival.

Sob sua gestão, a companhia foi responsável por revoluções nos mercados de música, telefonia celular e computadores. Os equipamentos com prefixo "i", que na pronúncia em inglês significa "eu", tornaram-se objetos de desejo dos consumidores e sinônimo de ameaça para os concorrentes.

Considerado um gênio por muitos, Jobs criou uma certa dependência da Apple com relação à sua imagem. Por conta disso, desde que começou a lutar contra um tipo raro de câncer, surgiram questões sobre o futuro da companhia sem ele.

No comunicado em que anunciou sua saída da companhia, em agosto, o executivo tomou duas medidas para tentar amenizar esse impacto: a primeira foi a nomeação de Tim Cook, responsável pela operação diária da companhia, para o cargo de executivo-chefe. Fonte: FOLHA.COM

Tropeço da Apple com iPhone 4S pode abrir porta para rivais

O iPhone 4S, que tem design idêntico ao do iPhone 4
Os fabricantes rivais de celulares podem ter uma chance de explorar um raro vacilo da Apple no lançamento de seu iPhone 4S, que não encantou os fãs da empresa, para conquistar participação maior no segmento mais lucrativo do mercado de telefonia, afirmaram analistas nesta quarta-feira.

Agentes de mercado apontaram, entretanto, que a Apple decidiu manter os modelos de iPhone mais antigos, reduzindo os preços, o que pode ajudá-la a aumentar vendas nos segmentos de preço mais baixo e nos mercados em desenvolvimento, dominados por Nokia e Samsung Electronics.

"A Apple já não está em vantagem, e seu serviço em nuvem ficou para trás do (sistema operacional do Google) Android. Agora, ela só pode vender aproveitando a fidelidade à marca", disse C. K. Lu, analista da Gartner em Taipé.

"Os usuários podem esperar para comprar o próximo iPhone. Quem não puder esperar talvez mude para marcas que ofereçam especificações mais avançadas", acrescentou.

O iPhone, lançado em 2007 com a tela de toque que todos os rivais adotaram posteriormente, provou ser o novo padrão no crescente mercado de smartphones, e as vendas cada vez mais altas prejudicaram os ambiciosos planos de muitos concorrentes.

Mas as ações de Samsung Electronics, HTC e LG Electronics, que fabricam celulares que utilizam o Android, avançaram depois que a Apple lançou o iPhone 4S na terça-feira.

Na Europa, as ações da Nokia e da Ericsson, que detêm metade da joint-venture Sony Ericsson, mostravam alta de 2,4% no começo do pregão desta quarta-feira.

"A Nokia deve se beneficiar do fato de que o novo modelo da Apple não enfatiza o design e, contrariando alguns rumores, a empresa não oferecerá nada novo para o crucial segmento médio do mercado", afirmaram analistas da Nordea em nota.

O novo iPhone 4S tem formato idêntico ao do modelo anterior, decepcionando os fãs que esperavam um aparelho mais fino e com tela maior para suceder um produto que não tinha sido atualizado em mais de um ano.

Embora truques tecnológicos avançados como comandos de voz --para enviar mensagens, verificar cotações de ações e outros fins-- tenham atraído a atenção de muitos analistas, eles podem não ser suficientes para tornar o aparelho um item de consumo obrigatório.

"A grande preocupação da Samsung era que seu ímpeto nos celulares inteligentes se desacelerasse com o novo iPhone, mas isso agora preocupa menos, porque o novo iPhone não entusiasmou muita gente", disse Kim Young-chan, analista da Shinhan Investment, em Seul.

Na quarta-feira, a Samsung também anunciou que solicitaria na Justiça o bloqueio da venda do novo iPhone, em tribunais da França e Itália, alegando que o modelo viola patentes de tecnologia móvel detidas pela companhia, o que expandirá a guerra judicial já conturbada que trava contra a maior rival.

ESTRATÉGIA

A Apple também revelou na terça-feira que reduziria o preço do iPhone 4, o modelo anterior, a US$ 99, para os usuários que o adquiram com um plano de operadora, e que o 3GS, ainda mais antigo, será fornecido de graça aos usuários que assinarem planos de operadoras. Isso pode permitir que a empresa atinja a camada mais baixa do mercado, que no passado não tinha interesse em atender.

Mesmo antes de reduzir os preços, a Apple já estava preparada para crescer exponencialmente na China, maior mercado mundial de telefonia móvel, com mais de 900 milhões de assinantes.

Na Índia, o segundo maior mercado, com mais de 850 milhões de assinantes, a situação é mais difícil, já que os celulares inteligentes respondem por apenas 5% das vendas de celulares.

Os celulares que operam com Android, fornecido gratuitamente a Samsung, HTC e Motorola Mobility, têm fatia de mercado combinada superior à do iPhone, que continua a ser o smartphone mais vendido do mundo.

"Muitos consumidores ainda não experimentaram o iPhone, e a Apple ainda tem muitos mercados e operadoras nos quais ingressar, por isso, quando surge um modelo novo com melhores especificações, isso ajuda a elevar os embarques", disse Ming-chi Kuo, analista da Concord Securities, em Taipé.

"O iPhone 4S é voltado a usuários do 3GS cujos contratos de serviço de dois anos estão expirando", acrescentou.

A Apple bateu recorde ao vender 20,3 milhões de iPhones no segundo trimestre, ante 19 milhões de unidades vendidas pela Samsung e 16,7 milhões pela Nokia, segundo analistas. Fonte: REUTERS